Relações

Você sabe identificar uma relação abusiva?

Um tema que tem sido debatido e que merece devida atenção é a questão dos abusos psicológicos e emocionais. Tão devastadores quanto os abusos físicos e verbais, os abusos psicológicos podem gerar diversos danos à pessoa que o sofre.  Às vezes, o abuso psicológico ocorre de maneira sutil, o que dificulta a sua identificação. Existem pessoas que passam anos vivendo uma relação abusiva e não conseguem perceber o quão prejudicial é este tipo relacionamento.

Alguns aspectos podem ser observados nesses tipos de relação:

Nossas relações precisam de limite

Nossas relações precisam de limite. Quando falamos em limite logo lembramos daqueles limites que os pais devem dar aos filhos e que, se quisermos aprofundar o assunto, teremos considerável número de artigos e textos que abordam o tema.

A proposta aqui não é focar no limite apenas nos vínculos entre pais e filhos, mas colocar o limite como algo essencial a todas as nossas relações.

O resultado da incoerência nas relações

A incoerência nas relações gera conflitos, insegurança e inconstância. A incoerência significa contradição, incongruência. O indivíduo fala algo, mas suas ações dizem o contrário, ou ora a pessoa fala algo e, em outro momento não distante, ela diz exatamente o contrário. Na abordagem sistêmica este tipo de conduta é chamado de comunicação paradoxal.

Subscrever RSS - Relações